Ícone de chat

Publicador de Conteúdos e Mídias

Notícias CDHU

Voltar Listagem Notícias
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação

10/09/2022 Sábado 10:30hs

88 casas edificadas pela CDHU são entregues em Borebi e Guarantã

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), empresa vinculada à Secretaria de Estado da Habitação, entregou nesta quinta-feira, 8 de setembro, 88 casas em Borebi e Guarantã, região administrativa de Bauru. O presidente da CDHU, Silvio Vasconcellos, participou do evento em Guarantã.

A agenda começou em Borebi, quando foram entregues as primeiras 38 casas do Núcleo Habitacional Pedrina Odete do Amaral Vaca. Com um investimento de 7,8 milhões, o empreendimento, localizado na Rua Sete de Setembro, s/nº, terá um total de 58 unidades, sendo que 20 estão em construção. 

Em Guarantã, também foi entregue a primeira etapa do empreendimento, com 50 unidades. Ao todo o Residencial Santo Expedito contará com 152 casas e está sendo edificado na Rua João Fagundes s/nº, Vila Cantinho do Céu. O investimento na obra é de R$ 19,8 milhões. O presidente da CDHU, Silvio Vasconcellos, afirmou até o final de setembro outras 28 moradias também serão entregues no empreendimento.

“A casa que estamos entregando hoje é muito especial. Tem 47 m², célula fotovoltaica que economiza até 90% de energia elétrica e não existe em outros lugares, só na casa da CDHU. A prestação que vocês vão pagar corresponde a 20% do salário declarado e o juro é zero”, disse Vasconcellos em seu discurso. “Muita gente aqui não conseguia fazer a comprovação de renda, não tinha o nome limpo para fazer o financiamento. E é só na CDHU, só no Governo do Estado, que se consegue fazer o financiamento mesmo nestas nestas condições. Além disso,  a prestação com certeza é menor do que o alguel que vocês estão pagando hoje”, destacou Silvio Vasconcellos.

 Os empreendimentos foram viabilizados em parceria com as prefeituras, que doaram os terrenos. As casas têm dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e lavanderia, distribuídos em 47,87 m2 de área útil. As unidades contam com piso cerâmico, azulejo no banheiro, na cozinha e na área de serviço, laje, cobertura em estrutura metálica e sistema de geração de energia solar fotovoltaica. 

As famílias contempladas foram escolhidas por meio de sorteio eletrônico auditado, realizado em julho de 2020. O financiamento dos imóveis segue os critérios da CDHU e as novas diretrizes da Política Habitacional do Estado, que preveem juros zero para famílias com renda mensal de até cinco salários mínimos. Assim, os beneficiários pagarão praticamente o mesmo valor ao longo dos trinta anos de contrato, que sofrerá apenas a correção monetária calculada pelo IPCA, o índice oficial do IBGE. Em Borebi e Guarantã, todos os futuros moradores têm renda familiar de até cinco salários mínimos.

Fonte: Superintendência de Comunicação Social

Acesse também

Acesse também

Dispositivos Móveis

Baixe gratuitamente o App da CDHU nas lojas Google Play ou Apple Store

Governo do Estado de SP
Entrar