Ícone de chat

Publicador de Conteúdos e Mídias

Notícias CDHU

Voltar Listagem Notícias
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação

06/11/2021 Sábado 10:30hs

Governo do Estado inicia obras de empreendimento do Programa Vida Longa no município de Tietê

A Secretaria de Estado da Habitação autorizou nesta sexta-feira, 5 de novembro, o início das obras do empreendimento do Programa Vida Longa, Tiete G, em Tietê. Com 28 unidades habitacionais, o residencial é destinado a idosos que vivem sozinhos, em situação de vulnerabilidade social. A cerimônia ocorreu no próprio terreno onde vai ser edificado o conjunto habitacional, na rua Padre Olivio Copetti com Rua Ubaldo Berguemin, e contou com a participação do secretário de Estado da Habitação, Flavio Amary.

"Feliz em estar mais uma vez em Tietê, agora, iniciando as obras do Programa Vida Longa, um projeto novo que nós concebemos. Antigamente existia o Vila Dignidade que atualizamos, melhoramos o projeto junto com a equipe técnica da CDHU. Este empreendimento terá 28 casas totalmente mobiliadas, destinadas à população idosa e em vulnerabilidade social, possui equipamentos de lazer comparados com empreendimentos de alto padrão e tem previsão de entrega de 10 meses", informou Flavio Amary.

Lançado em outubro de 2019, o Programa Vida Longa integra a política habitacional do Estado e tem o caráter protetivo. Os imóveis são destinados a idosos que vivem sozinhos, em situação de vulnerabilidade social. Trata-se de uma parceria entre as Secretarias de Estado da Habitação e de Desenvolvimento Social, Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) e prefeituras.

Em Tietê, o valor do investimento é de R﹩ 3,8 milhões. Os imóveis foram projetados segundo parâmetros de acessibilidade do Desenho Universal, que estabelecem um conceito arquitetônico adaptável para permitir facilidade no uso da moradia por qualquer indivíduo com dificuldade de locomoção, temporária ou permanente. O conjunto habitacional terá 28 imóveis de 33 m² de área privativa, distribuídos em cozinha, sala de estar e dormitório conjugados, banheiro e área de serviço.

Itens de segurança e acessibilidade constam no projeto, como barras de apoio, pias e louças sanitárias em altura adequada, portas e corredores mais largos, interruptores em quantidade e altura ideais, alarmes de emergência sonoros e luminosos, piso antiderrapante, entre outros. Recursos de acessibilidade também serão instalados nas áreas comuns para facilitar a locomoção e dar segurança e conforto ao idoso.

O Programa Vida Longa traz um conceito que busca agregar expressivo valor a todo o processo de socialização dos moradores. Por isso, os residenciais foram projetados para ter espaços comuns de convivência e lazer, com salão com refeitório e área para assistir televisão, área externa com churrasqueira e forno à lenha, aparelhos para atividade física, bancos de jardim, horta elevada e paisagismo.

Pessoas com 60 anos ou mais, preferencialmente sós e com vínculos familiares fragilizados, são o público alvo do programa. Os idosos devem ter renda de até dois salários mínimos, residir há pelo menos dois anos no município, além de terem autonomia para realizar tarefas diárias.

PEM - Durante o evento, o secretário Flavio Amary autorizou assinatura de convênio do Programa Especial de Melhorias (PEM), no valor de R﹩ 400 mil para obras de melhorias habitacionais no município. O PEM promove a implantação de infraestrutura, equipamentos coletivos, melhorias habitacionais por meio de reforma e ampliações, estímulo à implantação de serviços públicos e ações de inclusão social. A iniciativa oferece melhores condições de vida à população de baixa renda, moradora em bairros degradados ou conjuntos habitacionais de habitações de interesse social. Os recursos são repassados aos municípios por meio de convênios.

Fonte: Superintendência de Comunicação Social
 
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação

Acesse também

Acesse também

Dispositivos Móveis

Baixe gratuitamente o App da CDHU nas lojas Google Play ou Apple Store

Entrar