Publicador de Conteúdos e Mídias

Notícias CDHU

Voltar Listagem Notícias
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação

04/08/2020 Terça-feira 19:00hs

CDHU entrega 234 casas em Bebedouro

O Governo do Estado entregou nesta terça-feira, 4 de agosto, mais 234 casas na cidade de Bebedouro, região de Barretos. As moradias foram viabilizadas pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU).

Para evitar aglomerações, a entrega das chaves e o descerramento da placa inaugural aconteceram virtualmente diretamente do Palácio dos Bandeirantes, na Capital, com transmissão em tempo real via Skype pela prefeitura de Bebedouro e retransmissão pelo You Tube e Facebook da CDHU.

Direto do Palácio dos Bandeirantes, o vice-governador Rodrigo Garcia e o secretário de Estado da Habitação, Flavio Amary, fizeram o descerramento da placa do novo conjunto habitacional. A assinatura dos contratos de financiamento e a entrega das chaves dos imóveis ocorreram no município de Bebedouro, com as presenças do diretor de Atendimento Habitacional da CDHU, Marcelo Hercolin, e do prefeito Fernando Galvão.

"É uma alegria, em nome do governador João Doria, poder realizar o sonho da casa própria, o sonho dessas famílias de ter o seu lar e criar seus filhos e netos com segurança. É o fruto de um esforço muito grande. Foram mais de R﹩ 30 milhões investidos neste empreendimento. Temos trabalhado muito e todos os dias para cuidar das pessoas e ajudar o Brasil a enfrentar essa pandemia do novo coronavírus e levar desenvolvimento para as cidades paulistas", disse o vice-governador Rodrigo Garcia.

Flavio Amary falou sobre a continuidade dos programas habitacionais e da nova política de financiamento da CDHU. "Estamos aqui hoje virtualmente, mas de coração perto de cada uma dessas famílias neste momento especial. Seguimos a determinação do Governo, de dar sequência em todas ações na habitação mesmo durante a pandemia, respeitando todo o regramento do distanciamento. E uma notícia boa também, a equipe da CDHU construiu, com autorização do governador João Dória e do vice-governador Rodrigo Garcia, a política dos juros zero. Os novos financiamentos, embora tenha uma correção pequena, é juros zero, onde vocês podem ter um planejamento melhor e mais segurança para pagar as prestações.

O conjunto habitacional foi viabilizado juntamente com a prefeitura de Bebedouro, que doou o terreno e administrou a obra. A CDHU investiu R﹩ 30,4 milhões no empreendimento, recursos esses que foram repassados ao município conforme o andamento dos serviços. As famílias beneficiadas foram selecionadas por meio de sorteio público, realizado em fevereiro deste ano.

"Uma grande aliança é isso que nós temos com o Governo do Estado. O secretário Flavio Amary esteve aqui em Bebedouro no sorteio das casas que tinha vinte mil pessoas. A situação mudou, estamos aqui de uma forma diferenciada, mas o carinho, o respeito e a consideração são exatamente os mesmos, por estar fazendo um belo trabalho em todo estado de São Paulo", disse o prefeito Fernando Galvão.

O novo conjunto habitacional é composto de 234 casas com dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e 56,67 m2 de área construída. As moradias foram entregues com as melhorias estabelecidas como diretrizes de qualidade pela CDHU, como piso cerâmico e laje em toda unidade habitacional, azulejos no banheiro inteiro e parcial na cozinha e área de serviço, caixilhos em aço galvanizado com pintura eletrostática, cobertura em estrutura metálica e sistema de aquecimento solar.

O empreendimento conta com infraestrutura completa: muretas de divisa entre as casas, redes de água, elétrica e esgoto; pavimentação asfáltica, drenagem, paisagismo, urbanismo, muros de arrimo, iluminação e passeio público.

Como explicou o secretário Amary durante a cerimônia, o financiamento dos imóveis já segue as novas diretrizes da Política Habitacional do Estado de SP, que preveem juros zero para famílias com renda mensal de até cinco salários mínimos. Em Bebedouro, 96% dos contemplados estão nessa faixa de renda. Estas famílias pagarão praticamente o mesmo valor ao longo dos trinta anos de contrato, que sofrerá apenas a correção monetária calculada pelo IPCA, o índice oficial do IBGE.

O valor das parcelas é calculado levando-se em conta a renda das famílias, que podem comprometer, no máximo, 20% dos rendimentos mensais com as prestações. O valor mínimo das prestações é de R﹩ 209,00.

Trabalho na cidade e na região - Na cidade de Bebedouro, a CDHU já entregou 1.109 moradias, incluindo as 234 unidades habitacionais desta entrega. Na região administrativa de Barretos, foram entregues 12.694 moradias. Outras 776 estão em obras. Essas unidades em andamento representam R﹩ 65,9 milhões em investimentos.

Fonte: Superintendência de Comunicação  Social

Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação

Acesse também

Acesse também

Dispositivos Móveis

Baixe gratuitamente o App da CDHU nas lojas Google Play ou Apple Store

Entrar