Publicador de Conteúdos e Mídias

Notícias CDHU

Voltar Listagem Notícias
Crédito: Divulgação CDHU/Habitação

02/07/2020 Quinta-feira 09:20hs

CDHU abre credenciamento para a construção de mais 4.525 mil moradias do Programa Nossa Casa

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), braço operacional da Secretaria de Estado da Habitação, abre o segundo edital de credenciamento de empresas para a produção de mais 4.525 unidades habitacionais do Programa Nossa Casa, em parceria com a Caixa Econômica Federal. Serão 35 empreendimentos, que vão ser edificados em 28 municípios. O novo credenciamento foi anunciado, nesta quarta-feira, 1º de junho, pelo secretário de Estado da Habitação, Flavio Amary, em reunião com os prefeitos das cidades contempladas, que contou também com a presença do presidente da CDHU, Reinaldo Iapequino.

Os empreendimentos serão viabilizados pela modalidade Nossa Casa - CDHU, que irá construir 11 mil moradias, em parceria com a Caixa Econômica Federal, em 114 municípios paulistas. No primeiro edital, publicado em outubro do ano passado, foram credenciadas empresas para a construção de 7.278 moradias.

"Estamos muito felizes hoje, fizemos essa solenidade para abertura de um novo edital de credenciamento dentro da modalidade Nossa Casa – CDHU. O credenciamento, assinado nesta tarde e que será publicado amanhã, promoverá mais de quatro mil casas para a população desses 28 municípios. Uma ação muito importante da CDHU, pelo seu presidente Reinaldo Iapequino e pela equipe técnica da Companhia, na qual nós podemos dar continuidade aos atendimentos habitacionais do Governo do Estado", afirmou Flavio Amary.

Nesta modalidade, as unidades são edificadas em terrenos viabilizados pelos municípios. A construção das moradias é realizada com recursos da Caixa e da Secretaria da Habitação, por intermédio da Agência Casa Paulista.

Os 4.525 imóveis vão atender famílias com renda entre 1,5 a 5 salários mínimos. A Secretaria de Estado da Habitação, por meio da Agência Casa Paulista, concederá subsídios de até R$ 40 mil, conforme a renda das famílias. Será possível contar ainda com subsídios federais e utilizar o FGTS no financiamento habitacional. Desta forma, o valor das prestações ficará compatível com a capacidade de pagamento das famílias. A seleção dos beneficiários será feita pelas prefeituras, com apoio da CDHU.

A relação das empresas credenciadas, conforme a ordem de classificação, será encaminhada à Caixa, responsável pelas contratações. O aviso de credenciamento será publicado nesta quinta-feira, 2 de junho, e o edital completo estará disponível no site da CDHU (www.cdhu.sp.gov.br) a partir do próximo dia 7.

Programa Nossa Casa – O Nossa Casa foi instituído pelo Decreto estadual nº 64.419 e estima investimento de R$ 1 bilhão na construção 60 mil unidades até 2022. O programa promove parcerias entre o Estado, as prefeituras e a iniciativa privada para fomentar a produção de unidades habitacionais para famílias de baixa renda.

Municípios onde serão construídas as 4.525 unidades habitacionais (uhs):
Anhembi - 70 uhs
Araçoiaba da Serra -250 uhs
Atibaia - 243 uhs
Barretos - 31 uhs
Bernardino de Campos - 192 uhs
Bilac -50 uhs
Campina do Monte Alegre - 59 uhs
Cardoso - 24 uhs
Cerqueira Cesar - 169 uhs
Cosmópolis - 232 uhs
Espírito Santo do Pinhal - 265 uhs
Iporanga - 27 uhs
Irapuã - 19 uhs
Lençóis Paulista - 200 uhs
Macedônia - 75 uhs
Nova Granada - 207 uhs
Pontes Gestal - 116 uhs
Presidente Epitácio - 70 uhs
Quintana - 105 uhs
São José do Rio Preto - 1.038 uhs
São Miguel Arcanjo - 229 uhs
São Sebastião da Grama - 142 uhs
Serrana - 48 uhs
São Paulo – 199 uhs
Tapiratiba - 16 uhs
Taquarituba - 252 uhs
Valentim Gentil - 143 uhs
Vinhedo - 54 uhs

Fonte: Superintendência de Comunicação Social


 

Acesse também

Acesse também

Dispositivos Móveis

Baixe gratuitamente o App da CDHU nas lojas Google Play ou Apple Store

Entrar